Características

     O Estado do Rio de Janeiro está localizado na região sudeste, a seguir as principais características naturais dessa importante unidade da federação.

Relevo

      O relevo do Estado do Rio de Janeiro é muito variado, desse modo apresenta entre outros, escarpas elevadas, mares de morros, colinas e vales, rochas diversificadas, além de uma extensa área de planalto que ocorre em todo oeste do território. O ponto mais elevado do Estado é o Pico das Agulhas Negras com 2.787 metros de altura na Serra Mantiqueira. 
      No Estado é possível encontrar duas unidades de relevo, denominada de baixada Fluminense e o planalto Fluminense, a primeira ocupa quase a metade do território estadual e a segunda se estabelece no interior do mesmo.

Clima

      Na área de relevo mais plano o clima que predomina é o tropical semi-úmido, com elevados índices de pluviosidade no verão e inverno seco. A temperatura média desse território é de 24ºC e a média de chuvas anuais é de cerca de 1.250 mm. 
      Entre a baixada Fluminense e o planalto desenvolve o clima tropical de altitude que deriva invernos rigorosos e verões quentes com grande ocorrência de chuvas, atingindo aproximadamente 2.200 mm ao ano e temperatura média de 16ºC. Nos planaltos prevalece o clima tropical de altitude, que promove verões quentes e úmidos (chuvosos) e invernos secos e frios. 
      A temperatura média anual nesses locais é de 20ºC e índices pluviométricos que variam de 1.500 a 2.000mm anuais.

Vegetação

      Diante da ocupação passada, realizada no Estado do Rio de Janeiro para o desenvolvimento da pecuária, existe atualmente somente cerca de 9% de toda vegetação original, as áreas remanescentes estão dispersas em lugares de difícil acesso. 
      Basicamente são identificadas três variações vegetativas, no litoral e entorno o mangue e floresta Atlântica, no interior a floresta Tropical. No Estado ocorrem as florestas do tipo Ombrófila, vegetação costeira (manguezais, restinga, praia), campos de altitude e campos de planície, embora essas características tenham perdido grande parte de suas reservas.

Hidrografia

      O principal rio do Estado é o Paraíba do Sul que percorre o território em grande extensão, além dos rios Macaé, Muriaé, Piraí e Grande. O rio Paraíba do Sul nasce no Estado de São Paulo e deságua no Oceano Atlântico, esse importante manancial tem como afluentes os rios Piabinha, Piraí e Paraibuna, isso na margem direita e Pomba e Muriaé na margem esquerda.

Por Eduardo de Freitas
Graduado em Geografia
Equipe Brasil Escola
Fonte:www.brasilescola.com